Museu de Minerais, Minérios e Rochas Heinz Ebert

Museu de Minerais, Minérios e Rochas Heinz Ebert

Banco de Dados

Por letra do alfabeto
Baixar em PDFBaixar em PDF

ANDALUZITA (Andalusite)

Categoria

Minerais

Classe

Silicatos

Fórmula

Al2SiO5 ou Al[6]Al[5]OSiO4

Polimorfo da sillimanita, cianita e mullita

Sistema

Ortorrômbico

Classe cristalográfica

Bipiramidal rômbica (Rhombic Dipyramidal)

Hábito

Ocorre formando agregados colunares a prismáticos. Pode ser fibroso, compacto ou maciço. Os cristais são normalmente colunares, prismáticos rômbicos, alongados ‖ [001]. Os cristais apresentam normalmente seção transversal quadrada. Possui geminação rara {010}.

Clivagem

{110} boa ou distinta, {100} fraca ou indistinta e {010} fraca.

Fratura

irregular, subconchoidal

Tenacidade

quebradiço

Cor

Vermelho, Azul, Verde, Marrom, Branco, Violeta, Amarelo, Cinza, Castanho, Rosa

FORMA CRISTALOGRÁFICA

use o mouse para girar
Figura
  • Bordas
  • Eixos
  • Milers
  • Opaco
  • Translúcido
  • Transparente
Visualizar
  • Eixo A
  • Eixo B
  • Eixo C
  • Clinógrafo
  • Girar
  • Pare de girar
Qualidade
  • Alta
  • Padrão
  • Baixa

Modelos 3d e código HTML5 cedidos por www.smorf.nl

Dureza: alta

6,5 7,5

Densidade: Pesado

3,13g/cm3 3,16g/cm3

PROPRIEDADES ÓTICAS

Cor em lâmina

Incolor, Azul, Rosa, Verde

Pleocroísmo

fraco

Fórmula pleocróica

X = Amarelo, Rosa, Vermelho; Y = Amarelo claro, Incolor, Verde; Z = Amarelo claro, Incolor, Verde

Relevo

moderado positivo (+)

  • α = 1,629-1,649
  • β = 1,633-1,653
  • γ = 1,638-1,660

Caráter ótico

Biaxial

Sinal ótico

negativo (-), pode ser positivo (+)

Gênese

Mineral comum, de origem metamórfica, resultado de metamorfismo regional de pressão baixa e temperatura moderada a alta, e metamorfismo de contato de sedimentos argilosos, sendo encontrado em xistos, hornfels, gnaisses e filitos. A andaluzita pode alterar-se facilmente para sericita, sendo a variedade quiastolita particularmente sujeita a este tipo de alteração, ao longo das direções das inclusões carbonosas. Os outros produtos de alteração incluem sillimanita e cianita (por inversão com temperaturas ou pressões crescentes), coríndon, pirofilita e caulinita. Pode ser sintetizada a partir de caulinita entre 450-650ºC, e entre 1.450-1.500ºC converte-se em mullita. No início da cristalização a andaluzita normalmente forma grãos xenomórficos, mas adquire rapidamente um contorno prismático, expulsando para o exterior as matérias estranhas incluídas, de modo a formar a disposição da quiastolita (inclusões escuras normalmente carbonosas na forma de cruz de malta); em metamorfismo mais elevado a andaluzita fica livre das inclusões. Também pode ocorrer como um mineral detrítico em sedimentos. Raro em granitos e pegmatitos.

Minerais com os quais ocorre associado

Ocorre associado à cianita, sillimanita, cordierita, coríndon, granada, turmalina, mica, plagioclásios, turmalina, etc.

Birrefringência: baixa

0,009 0,011

Ângulo 2V

48° 86°

Dispersão

r > v, Forte, Fraca, r < v

Diafaneidade

Transparente, Translúcido

Traço

Branco

Brilho

subvítreo, vítreo

Solubilidade

  • em água:Não
  • em HCl:Não
  • Higroscopia:Não
  • DeliquescênciaNão
  • RadioativoNão
  • SaborNão
  • MagnéticoNão